SOBRE O NATIONAL CENTER FOR PELVIC PAIN RESEARCH (NCPPR)

 

O National Center for Pelvic Pain Research (NCPPR) é um centro vocacionado para a investigação e tratamento das síndromes de dor pélvica em homens e mulheres, usando o Protocolo de Wise-Anderson. As síndromes de dor pélvica tratadas no NCPPR incluem a prostatite, a disfunção do pavimento pélvico, a síndrome do músculo elevador do ânus, a síndrome de dor pélvica crónica, a cistite instersticial, a coccigodínia, a proctalgia crónica, entre outros diagnósticos.

O Protocolo de Wise-Anderson (durante muitos anos popularmente designado por Protocolo Stanford), foi desenvolvido no Serviço de Urologia da Universidade de Stanford por David Wise, PhD e por Rodney Anderson, MD. O Dr. Wise e o Dr. Anderson publicaram um livro sobre este protocolo, intitulado “Uma Enxaqueca da Pélvis”, agora na sua 6ª edição. Os resultados deste tratamento foram publicados em artigos disponíveis no Journal of Urology e os autores apresentaram este trabalho nas principais reuniões de Urologia e no National Institutes of Health, estando igualmente disponíveis sob a forma de abstract na página dedicada à investigação deste site. O NCPPR oferece sessões mensais intensivas, constituídas por 6 dias, para homens e mulheres com dor pélvica de origem muscular.

David Wise, PhD

wiseDavid Wise, Doutor, passou 8 anos no Serviço de Urologia do Centro Médico da Universidade de Stanford, como Visiting Research Scholar, a trabalhar com o Dr. Rodney Anderson, no desenvolvimento de um novo tratamento para a prostatite e para as síndromes de dor pélvica crónica. Sofreu de prostatite crónica/SDPC durante mais de 20 anos, até ter recuperado. É licenciado em Psicologia e exerce na Califórnia. Os seus interesses, em termos de investigação, são a medicina comportamental e a autorregulação autónoma. É músico, pintor e carpinteiro.

 

Rodney U. Anderson, MD, FACS

Dr. Rodney AndersonDr. Anderson é Professor de Urologia (Emérito, no ativo) na Faculdade de Medicina da Universidade de Stanford. A sua subespecialidade clínica é a Neurourologia e a Urologia Feminina. As suas áreas de enfoque são: as síndromes de dor pélvica crónica, a disfunção do pavimento pélvico, a cistite intersticial, a hiperplasia benigna da próstata, a incontinência urinária, a retenção urinária, as lesões da medula espinhal, a espinha bífida, a esclerose múltipla, o Parkinsonismo e o AVC. Dirigiu igualmente uma clínica dedicada à problemática da Disfunção Sexual Feminina. Continua a estar ativamente envolvido na investigação clínica, em Stanford, no Protocolo de Wise-Anderson e noutros trabalhos de investigação. É pianista de música clássica e gosta de pintar e de jogar golfe.


Read the 6th edition of our best selling book, A Headache in the Pelvis, now available in 9 languages for immediate access as an online eBook on your computer, tablet or smartphone or in hardcover.